Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
 
 
 
 
 
 
 
   

seu cão

Confira abaixo o guia para começar a brincar com seu Frisbeedog:

  1. Antes de começar
  2. Desempenho do cão
  3. O que você deve fazer
  4. O que você NÃO deve fazer
  5. O básico de jogar e trazer
  6. Pulando
  7. Largando o disco
  8. Cuidados com saltos

1. Antes de começar

Importante: consulte seu veterinário antes de iniciar seu cão em qualquer forma de treinamento atlético. Você deve verificar que seu cão tem uma boa ossatura, principalmente nos quadris, ou seu cão pode sofrer de desgaste precoce de articulação.

Também MUITO importante: Sempre tenha água disponível para seu cão enquanto você está treinando com ele. Cães não suam, eles exalam calor pela boca e língua. Beber água é imprescindível para que eles se refresquem. Não prover água ao seu cão nessa circunstância pode resultar em hipertemia e pode ser fatal. Apesar de que qualquer cão adora brincar de frisbee, nem todos tem o mesmo desempenho.

Recomendamos não deixar o disco ao alcance do cão. Se o disco for deixado com o cão, ele poderá ter a tendência de mastigá-lo, mas isso não gera fragmentos cortantes. No caso das bordas se danificarem e se o dano no disco não for muito grande, o disco pode ser reparado com uma faca para cortar as rebarbas maiores e uma lixa grossa para alisar as rebarbas que possam eventualmente machucar a boca do cão quando ele pegar o disco, que vai estar girando.

2. Desempenho do cão

Algumas raças tem uma aptidão inata para correr atrás de um disco canino. O cão não deve ser muito exigido para esta atividade quando for novo (menor que um ano), pois sua ossatura ainda não está totalmente formada. Nesse caso as atividades devem ser mais recreativas do que esportivas.

Um outro meio de conseguir um FRISBEEDOG (cão que adora disco voador) é adotar um. Grandes amizades caninas surgem da adoção. Além disso cães adotados são mais baratos e costumam ser mais fortes e resistentes.

Outro aspecto importante a respeito de FRISBEEDOG é o treinamento em obediência. O dono do cão tem que estar comprometido com a vontade de treiná-lo a partir dos conceitos básicos de obediência, até o cão responder naturalmente aos comandos mais simples.

3. O que você deve fazer

Para começar jogue o disco rolando como uma roda. Isto vai acostumar o cão a correr atrás do disco sem o risco de ser atingido por ele, pois isso pode causar medo no cão.

Cães que a princípio não se interessam pelo disco podem ser estimulados quando girado o disco em círculos no chão em frente ao cão, ou esfregando levemente o disco no corpo do cão para o estimular a mordê-lo.

Tenha cuidado para não fazer o cão ter medo do disco: nestes momentos fale com voz alegre enquanto brinca com ele. Convença seu cão que essa brincadeira é a melhor coisa que existe.

Permita que seja uma brincadeira sadia e não se preocupe muito se o cão perder o interesse ou não trazer o disco de volta. Sempre faça desse treinamento um momento especial.

4. O que você NÃO deve fazer

NÃO jogue o disco diretamente no cão. Você deve evitar atingí-lo com o disco, especialmente no rosto. Se fizer isso o cão desenvolverá medo.

NÃO estimule um cão menor que 14 meses a saltar. O impacto poderá causar danos nas articulações ainda não formadas. Se seu cão for muito ativo, então jogue o disco baixo. Donos de cães mais zelosos poderão pedir ao seu veterinário para tirar uma radiografia a fim de determinar se o crescimento das articulações do cão já estão completas, aí então poderão iniciar os saltos.

NÃO force muito seu cão, ele não irá se divertir. Se ele perder o interesse, pare por ora e reinicie quando ambos estiverem descansados.

NÃO deixe o disco ao alcance do cão quando você não estiver perto. O cão deve aprender que o disco é um brinquedo especial e só está disponível quando você está junto.

5. O básico de jogar e trazer

Cães adoram brincar de pega-pega com algo na boca. Apanhe o disco e comece a brincar com o cão e o disco. Ele deverá perceber a idéia de que você quer que ele apanhe o disco e traga para você.

Uma vez que seu cão já se acostumou em ir atrás do disco, é hora de estimular a trazê-lo de volta para você. Para isso, recompense-o por exemplo com um pedacinho de biscoito canino. Dê o pedaço de biscoito somente quando ele trouxer o disco bem perto e fale algo (como por exemplo: TÁ, TOME). Assim, sempre que você falar essa palavra, o cão trará o disco para perto.

Se seu cão resistir em ir apanhar o disco você deverá trabalhar a obediência de seu cão, chamando-o e, deixando o disco de lado temporariamente. Se seu cão não vem quando você chama, você não pode esperar que ele o faça quando está distraído com um brinquedo. Uma boa aula de obediência faz mais pelo dono do que para o cão.

6. Pulando

Uma vez que o cão já se acostumou a pegar o disco, o próximo passo é fazê-lo pegar no ar. A menos que seu cão já esteja treinado a apanhar o disco, tome cuidado ao atirar o disco para ele.

Não jogue o disco diretamente na direção do cão, pois isso poderá atingí-lo e ele irá temer o disco. Não se desencoraje se seu cão não pular imediatamente para pegar um disco voando.

Alguns cães levam meses para conseguir a coordenação necessária para pegar um disco, pulando no ar. Inicialmente use trajetos baixos para o cão se acostumar.

7. Largando o disco

Para fazer seu cão largar o disco ou qualquer outra coisa que ele tenha na boca, a melhor maneira é ensinar um comando associado a um gesto e uma palavra. A princípio, aponte para o chão, diga LARGA ou SOLTA e além disso, tenha na outra mão algo que o cão se interesse, COMO OUTRO DISCO, um brinquedo ou um pedaço de alguma alimento que ele goste. Quando o cão largar o disco, recompense-o com palavras de estímulo e dê o outro item.

Quando o cão acostumar com esse procedimento, comece a "esquecer" o outro item, mas continue recompensando com palavras e agrados. Logo esse comportamento se torna automático.

Se o cão for muito teimoso, é possível fazê-lo largar apertando suavemente a mandíbula e dizendo gentilmente LARGA ou SOLTA. Então recompense-o e até devolva o disco, para mostrar que você só quer que ele solte.

8. Cuidados com saltos

Cuidados especiais devem ser tomados neste caso. Quando o cão pula, a volta ao solo deve ocorrer de maneira que as quatro patas toquem o chão ao mesmo tempo. Se o cão cair verticalmente, apenas com as patas traseiras, pode sofrer danos nas articulações e na coluna. O joelho canino não é desenhado para absorver esse tipo de impacto. Tente treinar seu cão a pular usando um anel ou círculo de aproximadamente 1 metro de diâmetro, construído com um pedaço de mangueira de jardim do tipo mais rígido.

Com esse anel plástico, o cão não vai se machucar se bater as patas nesse tipo de aro. Isso vai forçar o cão a pular com a traseira levantada e aterrisar com as quatro patas.

Lembre-se que cães jovens com menos de 14 meses não devem ser estimulados a pular.

 
 
         
         
    técnica    
   

O Frisbeedog é um disco canino com forma aerodinâmica, projetado para um vôo suave e bem direcionado.

   
         
   
   
         
         
         
         
   
seu cão
   
   

Cães adoram brincar de pega-pega com algo na boca. Confira o guia básico de treinamento com o Frisbeedog.

   
         
       
         
         
         
Copyright 2009 Frisbeedog - Todos os direitos reservados